acheter du cialis en ligne

Conheça a Biblioteca

 



 

 

     Histórico


      
Em 25 de maio de 1994, dia em que se celebra a memória de São Beda, Doutor da Igreja, a Biblioteca do Seminário Missionário Arquidiocesano Redemptoris Mater de Brasília foi inaugurada. O edifício da Biblioteca foi um dos primeiros a serem concluídos, o que, alem de evideciar a relevância atribuída a informação no processo formativo de futuros presbíteros, reflete a atenção do Seminário em relação às diretrizes da Igreja.

      A iniciativa de sua criação se deveu ao empenho do então reitor do Seminário, Pe. Javier Sotil, que, além da obtenção de mobiliário e equipamentos adequados, adquiriu um acervo considerável, especialmente nos domínios filosófico e teológicos. Além da incorporação de novos títulos, seja de textos monográficos e publicações seriadas, o acervo foi sendo tecnicamente processado, recorrendo, para isso, a um software de uso exclusivo do Seminário, bem como de um sistema de classificação documental, criado pelo próprio reitor.

      Em meados de 2008, adquire-se o Pergamum, software desenvolvido pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR) destinado a gerenciar as principais funções de uma unidade de informação (catalogação, classificação, indexação, seleção/aquisição, circulação e relatórios estatísticos). A partir de então, todos os registros de itens bibliográficos já incorporados ao acervo da Biblioteca sofreram um processo de revisão. Para isso, recorreu-se ao Código de Catalogação Anglo-Americano – 2ª Edição (AACR2) e adotou-se a Classificação Decimal de Dewey – 21ª Edição (CDD). Pretendendo alcançar uma padronização da representação temática dos documentos, optou-se, ainda no ano de 2008, pelo Soggettario, vocabulário controlado editado pelo Istituto Centrale per il Catalogo Unico delle Biblioteche Italiane e per le Informazioni Bibliografiche.

      Em 17 de outubro de 2012, as instalações da Biblioteca foram ampliadas e melhoradas, passando a denominar-se “Biblioteca Cardeal José Freire Falcão”, uma homenagem ao ordinário que a época fundou o Seminário Redemptoris Mater da Arquidiocese de Brasília.

 

      Acervo

      A Biblioteca Cardeal José Freire Falcão dispõe de um acervo constituído por cerca de 40.000 obras, divididas em livros, periódicos e materiais especiais, tanto nacionais quanto estrangeiros. É essencialmente voltada para as áreas filosófica e teológica, reunindo todos os ramos destas duas ciências e de áreas afins, constituindo o núcleo básico do acervo. Uma pequena parcela do acervo se constitui de obras literárias, históricas e culturais, formando o núcleo secundário. Por razões de segurança e de otimização do seu uso, a coleção de periódicos é acondicionada numa sala especial, disponível, somente, para consulta in loco.

      O desenvolvimento da coleção se dá por meio de doação, permuta e compra, contemplando os domínios do saber em que o Centro de Estudos Filosófico-Teológicos Redemptoris Mater oferece formação. As doações são incorporadas ao acervo após análise de pertinência. Os itens incompatíveis com a política de desenvolvimento de coleções são oferecidos, por meio de doação, a outras unidades de informação.

 


   

     

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


      Organização do Acervo

      Adota-se o Sistema de Classificação Decimal de Dewey (CDD), 21. edição, dividindo o acervo em grandes áreas do conhecimento. Para garantir uma identidade única ao item bibliográfico, permitindo sua fácil localização na estante, elabora-se o intitulado “número de chamada”, composto pelo número de classificação extraído da CDD, pela inicial do sobrenome do autor, seguida de um número extraído da Tabela de Cutter e finalizado pela primeira letra do título da obra. Em alguns casos, é adicionado informações a respeito da edição, tiragem, volume e exemplar, sempre com a intenção de garantir a cada exemplar bibliográfico uma identidade única no acervo.

      Processamento Técnico

     Para o processamento técnico de seus documentos, utiliza-se a segunda edição do Código de Catalogação Anglo-Americano (AACR2). Os dados bibliográficos e de autoridades são registrados no Formato Marc 21. Atualmente, o
Soggetario per i cataloghi delle Biblioteche Italiane, editado pelo Instituto Central para o Catálogo Único (ICCU), é o principal instrumento usado na prática de indexação do acervo.}

      Sistema de Gestão Bibliográfica  

      Todas as atividades de natureza bibliográfica são desenvolvidas por meio do Pergamum – Sistema Integrado de Bibliotecas, software desenvolvido pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná. O Pergamum possibilita, por meio do formato MARC ISO-2709 e Protocolo Z39.50, intercâmbio de registros bibliográficos e disponibilização de catálogo online para pesquisa e recuperação de informações.